Behind the Scenes WS#03

A seguir trago um pouco do que aconteceu em nosso último workshop aqui na Patagonia Chilena. Esse foi o terceiro programa, dessa vez, trouxemos o Roger Sassaki, fotógrafo e bacharel, que ministra diversos cursos de fotografia analógica com foco em processos históricos fotográficos.

Foi um passo adiante, e estivemos entre 05 mais a participação em algumas atividades de Diego Marín, que colaborou com a captação e direção do filme do programa.

"A CHEGADA "

A aventura começa com a chegada do avião em Esquel. Ali nos encontramos e colocamos as malas no porta malas da pickup rumo a fronteira terrestre entre Argentina e Chile.


A travessia é cheia de belezas e já traça um percurso com uma paisagem de encher os olhos para qualquer amante da fotografia.


Quando eu estava a caminho do aeroporto, sozinho, me deparei com uma caminhonete antiga, que levava alguns trabalhadores de campo no bagageiro, acompanhados ainda por um cachorro. Comecei a trocar mensagens com eles com as mãos, até que resolvi ultrapassá-los e pedir para pararem o carro para poder fazer um retrato daquela cena. Fiz 02 clicks em um filme que estava “estacionado” em um magazine de minha Hasselblad, com um rolo guardado a mais de 04 anos com apenas 02 chapas batidas. Era hora de terminar aquele filme e começar novos registros.

[ filme por Diego Marín @cielo_sur_comunicaciones ]

O PROGRAMA

Dessa vez, resolvi acrescentar 01 dia a mais na programação geral do workshop por conta das atividades de laboratório. Como minha intenção seria ter algumas atividades externas e em estúdio, achei necessário incluir 01 dia a mais e foi fundamental, ou melhor, ainda assim, faltou tempo para conseguir fazer tudo o que gostaríamos.

Foram 08 noites no total no MAPU e  06 dias de atividades com diversos temas aproveitando a melhor luz do outono dessa temporada de 2024.

DAY 01

O primeiro dia foi um dia que deixamos reservado para ser um grande bate-papo, todos se conhecerem, rever temas teóricos sobre fotometria, lentes, sistema de zonas, médio e grande formato. Um dia para se familiarizar com os equipamentos, o estúdio e criar um laço entre todos em um ambiente agradável e aconchegante. Nesse dia aproveitamos e também montamos as câmeras pinhole quer foram presenteadas para todos os participantes.

Deixamos o estúdio com parte do equipamento já meio que organizado para a diária do dia seguinte.

DAY 02

Esse foi um dia que dedicamos a retratos feitos em estúdio. Lembrando que o conceito todo do programa foi baseado em fotografia analógica, e cada participante pôde ter acesso a seu próprio equipamento e também com algumas câmeras que deixamos a disposição para que pudessem usar se tivessem curiosidade. 

O estúdio estava repleto de câmeras e sistemas, e foi divertido poder fazer essa degustação fotográfica, com a possibilidade de poder ainda mais, revelar os filmes preto e brancos.

Éramos em 05 fotógrafos no total e tivemos a participaçao de 04 convidados nesse dia para serem retratados. 

Alejandra, a “apicultora”, Hernan, o fly fisher man, Gabriela que é musica e toca o acordeon, e o jovem Alex que veio com sua vestimenta de huaso chileno.

Alejandra por Luis Morais
Hernan por Luis Morais
Alex por Dani Chinelato

“A Semana é sempre intensa. Não é uma viagem para descansar e tirar apenas fotos de paisagens.

É um mergulho intenso, onde vivemos durante essa semana, do café da manhã ao jantar juntos. 

Um dos dias acordamos as 04:30 da manhão pois queria fotografar no lusco fusco do amanhecer com a cena do bote na água.”

Hernan por Luis Morais
Gabi por Gustavo ZYlbersztajn fotografado com Wista 4x5" filme EDU 400
Hernan por Luis Morais

DAY 03

Nosso segundo dia fotografando e criando cenas. Aqui convidamos o músico Nikolai com o seu celo e fomos até um bosque outonal. Cada um em seu ritmo, explorou buscar cenas com sua perspectiva particular. Usamos de 35mm a 4×5.

NIkolai por Renata Calheiros
Nikolai por Luis Morais

TIvemos o privilégio de sermos muito bem tratados com os pratos nutritivos, deslumbrantes 

e saborosos preparados pela nossa amiga e chef incrível Tatiana Villablanca, do Restaurante Martin Pescador.

Tatiana Villablanca por Dani Chinellato
Tatiana Villablanca por Dani Chinellato

DAY 04

Essa diária começou cedo e bem gelada. Marcamos de nos encontrar no quincho as 05:00 da manhã. 

Sanduiches já estavam preparados esperando apenas que fossem esquentados na “chapa” e tomamos um café express. 

Estávamos preocupados em poder chegar no primeiro spot de fotos na hora certa.

Seria o ensaio com um bote, no amanhecer em uma laguna cheia de juncos. 

O caminhãozinho levou o bote do vilarejo de Futaleufu e desembarcou próximo a pequenina Villa Santa Lucia. 

Tudo saiu como planejado, exceto o “fog” que foi aguardado para essa cena e infelizmente não nos presentou dessa vez.

Nossa segunda locação foi em um vale entre o vilarejo Villa Santa Lucia e a serra Costa Moraga. 

Há cerca de 05 anos atrás houve um desabamento do terreno, que atingiu e soterrou uma boa parte da região.

Uma das pessoas que estava no local do acidente era o senhor Rosarino, camponês local.

Fiz o convite para ele participar dessa sessão de fotos e ele concordou em participar. 

Pedi que fizéssemos um ensaio com ele, cachorros e um cavalo no local do desabamento.

Rosarino, por Gustavo Zylbersztajn

DAY 05

As diárias anteriores foram todas muito intensas. 

Era agora, o momento de começar a organizar os filmes, revelar e digitalizar parte do material fotografado.

Tínhamos imaginado uma cota média de filmes e revelação, e estouramos feio, rs …

Acabamos com o estoque de revelador D-76 e revelamos cerca de 70% a 80% dos filmes fotografados.

Revelamos filmes 35mm, 120mm e chapas 4×5 também.

E virou tradição finalizar a semana com um slideshow e um breve resumo com as fotografias que fizemos durante a semana.

Um momento de descontração e poder olhar tudo o que foi criado e executado, nessa semana intensa e profunda, 

com tanta troca, aprendizados e boas histórias. 

Levaremos com carinho uma linda e boa lembrança desse grupo.

Houve uma conexão ! Obrigado Roger por ter embarcado nessa aventura, e você ter feito sua primeira imigração no Chile nos últimos minutos da fronteira fechar, nevando, e carregando as malas nas costas ! Obrigado Renata, por ter vindo de tão longe e permitindo-se aprender nesse cenário tão rico que tivemos. Obrigado Dani por ter somado a esse grupo e com tanta delicadeza, pudemos ver um pouco mais de seu belo olhar e nos ajudar com várias horas auxiliando nos processos do laboratório. Obrigado Luis, por ter embarcado nesse projeto pela terceira vez. Fazendo eu cada vez mais elevar o target do conceito de cada WS que produzimos aqui no MAPU. Obrigado Adriana por ajudar a me conectar com essas pessoas incríveis que tivemos o privilégio em fotografá-los. Obrigado Diego por somar e nos acompanhar em alguns momentos durante o programa, e também poder registrar tão sensivelmente esses momentos, nos presenteando com esse filme maravilhoso !

Foi demais pessoal ! Boas lembranças ficarão !

Até breve,

GZY

Latest News

Stay updated with our latest news and stories we share every day!

Behind the Scenes WS#03

Nor again is there anyone who loves or pursues or desires to obtain pain of itself, because it is pain, but because occasionally circumstances
Read More

Backstage of WS#02

Nor again is there anyone who loves or pursues or desires to obtain pain of itself, because it is pain, but because occasionally circumstances
Read More

Leave a Reply